Notícias
Etíopes

Fonte: Menorah Rapidinhas

Há exatamente 27 anos, o governo do Estado de Israel autorizou o seu exército de defesa a levar em frente um ousado plano para retirar os judeus da Etiópia. Apelidados pejorativamente pelos outros cidadãos do país da Rainha de Sabá de "falashas", que significa "exilados" em sua própria terra, os judeus etíopes viviam num misto de miséria, falta de liberdade e discriminação. A operação Moisés conseguiu levar para Israel 8.000 judeus etíopes. Naquela época o governo da Etiópia proibia a emigração dos judeus. A Operação israelense tinha duas etapas: levar os judeus para o Sudão, então país muito amigo de Israel e de lá, por navio através da marinha israelense, para Israel. Isso aconteceu entre 1977 e 1984, com 5.000 judeus conseguindo fazer a viagem. Em seguida, a Liga Árabe pressionou o Sudão para que fechasse a rota. Em novembro de 1984 o Exército de defesa do estado de Israel implementou uma ponte aérea secreta na qual 8.000 judeus conseguiram passar, até que a mídia internacional descobrisse e detonasse uma crise política no Nordeste da África. Duas outras operações seguintes, a "Josué" e a "Salomão" complementaram essa imigração que ficou consagrada pelo inédito fato de que o Estado de Israel foi o único país em toda a história da humanidade a retirar negros da África, não para escraviza-los, mas para lhes dar vida e liberdade total. Hoje, os imigrantes originais e seus descendentes chegam a mais de 110.000 cidadãos israelenses, modificando para melhor e definitivamente, a aparência da sociedade israelense. Os jovens judeus etíopes, completamente adaptados ao seu país, servem em todas as posições hierárquicas de soldados nas unidades de combates do IDF e seus primeiros oficiais estão formados em um serviço ativo. Na foto, o primeiro rabino etíope em Israel, formado pela ortodoxia, mas filho do último rabino etíope da África, formado pela vida. A revista Menorah publicou em sua edição 621, uma matéria exclusiva feita no países sobre como vive, hoje, essa parte da população israelense. (Foto Ronaldo Gomlevsky)



Redes Sociais
Rua Rio Grande do Norte, nº477 – Funcionários - Belo Horizonte - MG | CEP: 30130-130
Telefone: (31) 3224-6673 | e-mail: fisemg@fisemg.com.br